Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Herman José

Herman José

Herman no Facebook

Joana, 07.11.10

 

O ADN do meu pai está a tomar conta de mim. Nos gestos, nas expressões, na capacidade de reagir a todas as situações com teutónico pragmatismo, no fascínio pela culinária, na insaciável curiosidade intectual mesmo pelas coisas mais banais, na ironia, no anti-clericalismo... Ontem no aeroporto, ao chegar a Lisboa vindo do Porto, vi-o reflectido com menos 33 anos numa das montras de um café. Quando olhei com mais atenção, percebi que afinal era eu. Fica a imagem do último brinde que fizemos, na festa do meu 45º aniversário (no extinto Café Café / actual Twins). Partiu dois meses depois.