InicioBiografiaEspetáculosHerman RespondeEntrevistasVídeosFotosChatFãs
Domingo, 11 de Maio de 2008
Respostas do Herman

Cara joana, deixe-me que lhe dê os parabéns pelo blog dedicado ao herman. Chamo-me Pedro Neves e sou de S. João da Madeira. Conheci pessoalmente o herman numa gravação do herman enciclopédia em 1998 ( o meu professor de merketing da altura tinha trabalhado com o herman aquando das publicidades que tinha feito para a mimosa). Foi um sonho tornado realidade. Aprecio o artista, a sua criatividade, o talento natural, a graça expontânea e, acima de tudo, a sua generosidade. Fico absolutamente revoltado com os pseudo-intelectuais de hoje que dizem que o herman josé está acabado. Encontro um país que reconhece tão pouco e que nada agradece a quem tanto fez pela boa disposição nacional. Se rir faz bem à saúde, o herman é provavelmente o melhor dos clinicos que o nosso país tem e o seu humor a melhor das receitas que todos tivemos em portugal, durante tantos anos. Embuído pelo seu exemplo e porque já nasci, também eu, um pouco palhaço, sempre fiz humor. As participções televisivas que fiz enquanto humorista (no levanta-te e ri, sempre em pé, tudo sobre..., último a rir) em nada se comparam com os cerca de 500 espectáculos que dei por todo o país, esses sim genuinamente retribuidos, com carinho e aplausos, sem as luzes e a produção por trás. fiz o percurso contrário aos da minha geração . fiz muitos espectáculos até decidir que devia ir à televisão. até essa altura acredite que recusei uns quantos convites. lamentavelmente, não me "prostituo"!. Gostaria que fizesse chegar um fortissimo abraço ao herman com muito carinho e reconhecimento por tudo. Quando ele quiser, disponibilizo-me para fazer um espectáculo gratuitamente nos bastidores (de 90 min), só pelo prazer de actuar na sua casa (que faço questão de visitar sempre que vou a lisboa), será este outro sonho tornado realidade.Parabéns e longa vida ao mestre, SEMPRE!

 

Caro Pedro, já não tenho os Bastidores, que passaram – juntamente com o Café Café – para outras (e excelentes) mãos... Mas, vou continuar a ter-te debaixo de olho. Sabes que doi por causa dessa campanha da Mimosa que nasceram as Produções Fictícias ?

 

Querido herman jose, soy corina libertad gonzale, una venezolana que vivio en portugal del año noventa hasta el 2005, ahora me encuntro en españ el mtivo de i email, es aradecerte, as muchisimas horas de buena diposicion y alegria que me diste y reiterarte i admiracion y cariño soy una fan incondicional tuya, y pra alemdes mis hijos y nietos que estan en portugal lo que mas extraño es ati tu humor es e lo mas fino, en el 90 cuando llegue a portugal, todavia o haban sino dos estacioes d tevision, teconoci viendo el casno royal y desde entonces te he seguido buno yo se porugues ms se que tu español es optimo, mas queria solo expresarte mi admiracion y es que estando fuera de portugal ,y viendo a otros humoristas puedo decirte VOCE E O MAIO AMIGO recibe um abrazo lleno de cariño  esta venezolna que te adora. Corina l gonzalezAmigo

 

Querida Corina, que saudades desta escrita ! Sabe que eu sou neto de sevilhana que também se exprimia assim ? Ou porque é que pensa que nasceu a “Maricarmen Porsupuesto” do Casino Royal ?

 

Herman: Cresci a ver os seus programas - como milhões de portugueses. Aliás, o visionamento televisivo dos mesmos era proibido em minha casa - o que só aguçou a curiosidade. Meu pai proibia. Então, no tempo dos 2 canais e sem comando de televisão, ver um programa do Herman era uma aventura arriscada lá por casa - ficava meu irmão sentado a ver e eu perto da televisão (ou vice-versa). Assim que ouvíssemos o meu pai, eu mudava de canal. Enfim... dá para rir, mas o Herman contribuiu para alguns desacertos famliares. Valeu a pena - ao fim de muitos anos, e com a família já mais crescidinha, era o meu pai que se saía da sala porque se recusava a ver indecências. E claro, ainda mais ríamos, na certezas da batalha ganha! O seu humor era notável. Notável. Foi um abrir de portas para tanta coisa neste país... No tempo do Herman Enciclopédia estudava na Universidade. No dia de transmissão do programa juntávamos um grupo e víamos juntos. Sempre - houvesse testes ou trabalhos para entregar; a nossa rotina estava montada: jantar na cantina, ir tomar a bica e ir para casa de um de nós, em grupo, assistir ao programa. A nossa vidinha era retomada depois disso. Como calcula, o país não só é pequeno para lhe reconhecer o que por ele fez, como nunca seria grande. De facto, gostaria imenso de um dia fazer uma investigação académica sobre o seu papel na mudança das representações mentais dos portugueses. Porque foi de facto notável o seu papel. E não só neste aspecto.

Sobre o Hora H, e sei que não está e acordo, mas realmente não me prendeu. E olhe que tentei durante algumas semanas ver. Se quer que lhe diga, tentei gostar - descobri que isso podia existir, tal era a minha vontade de gostar do programa. Mas sabe porque é que eu tentei gostar? Porque, de contrário, senti que o estava a trair - trair porque tanto me deu e agora havia algo em que o Herman estava tão empenhado (o trabalho que o programa deu deve ter sido incomensurável!)e eu, a falar dele, seria mal! Não quero que volte a fazer o já fez, pois cada época encerra uma magia. Mas aqueles textos... As interpretações foram fantásticas. Mas aqueles textos... Não me prenderam nem sorrir me fizeram. Sabe o que gostava? De me virar para  a minha descendência e fazer o que não fizeram comigo: "Vinde cá criancinhas, que ides ver uma artista completo! Vá, agucem o espírito e vamos divertir à grande  a ver este programa!" De resto, eles sabem que o Herman fez coro com "Força, força, companheiro Vasco...Porque eu quero que os meus filhos conheçam quem faça cócegas nas celulazinhas cinzentas (como diria Poirot) e o Herman é uma figura dessas incontornável neste país.

Sobre o caso Casa Pia: Olhe, sei que é dos assuntos que mais o magoam. Não esqueço o dia dos Globos de ouro em que o Prof. J H Saraiva, quando recebeu o seu prémio carreira (penso que foi essa a distinção) mal falou de si mesmo para lhe prestar uma homengaem a si, Herman, precisamente aquela dia. Fez mais esse homem naqueles minutos pela sua inocência do que quem mais o quis atingir. Mas deixe-me reconhecer a integridade e a assertividade com que, publicamente, viveu tudo aquilo. Impressionante lição de civilidade. Impressionante porque rara, pois a acusação foi em domínios chocantes. Uma verdadeira lição, a sua postura!

Sobre "outras coisas": nós, que estamos do lado de fora da cortina, achamos que certas situações das quais gostamos podem ser etéras. E quando não são, embora não seja nada connosco, ficamos sempre um pouco apreensivos. A sua relação com Raul Solnado e com Ana Bola não me dizem respeito nenhum. Mas lá que lamento, como se vos conhecesse em privado, lá isso lamento.

Bom, isto vai grande e por isso nem sei se merece alguma publicação. Não, não quis fazer nenhuma pergunta. Apenas dizer-lhe que faz parte da minha vida e da minha formação enquanto pessoa. Obrigado, mas olhe que vou cobrar. Não gostei do Hora H , mas não desisto de si! E tenho filhos para criar que precisam da sua ajuda! Um grande abraço, meu amigo. Manuela Oliveira

 

Manuela, o seu texto está de tal maneira bem escrito, que nem me atrevo sequer a rebater os pontos em que estamos em desacordo. Só não resisto dizer-lhe que a sua posição em relação ao Hora H, reporta-me para um episódio curioso: em Novembro passado, fiz um jantar “gourmet” para um grupo de amigos, com uma taxa de agrado de quase 100%. Só um prato não colheu qualquer unanimidade. Entre 12 pessoas, só 5 o entenderam, o resto insistiu na tese de que “havia ali qualquer coisa que devia estar estragada”. Tratava-se de um “risotto” feito com trufas brancas de Alba que havia trazido de Paris. De nada valeu exlicar-lhes que aquele paladar precisa de tempo para se aprender a respeitar e degustar, e de que de tão raras, são vendidas a mais de 5000 Euros do quilo...

 

Ola Joana, Ao contrário de alguns que por aí andam e escrevem, nunca escondi a minha admiração pelo Herman, mesmo quando começou a ser moda dizer que ele "já estava ultrapassado, e já não tinha a piada de outrora"... é uma patetice... Tenho 25 anos, e cresci a ver o trabalho do Herman... E sabe Deus como é dificil crescer numa aldeia admirando um homem, que não tinha qualquer pudor em dizer "merda" em horário nobre numa época em que isso era um crime, e que satirizou na perfeição a última ceia!!!! Contudo, não vale a pena exemplificar até que ponto o admiro... Eu gosto... o resto é cantiga!!! Assim como assim, no dia de aniverário do Herman, aproveito esta forma de contacto para fazer uma ou outra pergunta :

1) Algum dia se imaginou em ficar nos bastidores a escrever textos para um humorista ou um argumento para uma série de humor???

2) Se agora o novo director de programas da RTP, lhe dissesse "Herman.. anda daí que vamos fazer uma nova série da Roda da Sorte, e queremos que sejas tu a destruir aquilo de caçadeira"... aceitava???

3) Nos Estados Unidos, são imensos os talk shows com comediantes ao leme, e todos eles lideram as audiências. Esta fórmula não resulta cá em Portugal??? Ou o equivalente cá são as "Tardes da Júlia" e o "Contacto"??? :)

finalmente...

4) Os Da Weasel tem numa das suas canções a seguite tira... "Criticam o telemóvel do vizinho, mas na verdade queriam ter um igualzinho"... Acha que os seus maiores críticos são no fundo os seus maiores fãs???

Ao Herman, um grande abraço... e que viva outros 54 anos :) fica o desejo de um dia ter o privilégio de lhe apertar a mão :) A ti Joana... obrigado pelo blog :) :)

edu  http://bitaitadas.blogspot.com

 

Caro Eduardo, aqui vão as respostas às tuas bitaitadas:

1.      Vejo-me mais como realizador. Já tive a minha dose de escrever textos. Nem uma pen de 16 Gigas chega para armazenar os 32874897263948637 guiões que escrevi sózinho. Mas adorava dedicar-me à realização e direcção de actores.

2.      Sabes que uma nova edição da “Roda da Sorte” chegou a ser considerada pelo Nuno Santos, e que voltou a estar na moda em França ? Pessoalmente, acho que o regresso não faria sentido. Estou muito mais entusiasmado com este “Chamar a Música” que estreia dia 18, e que é o concurso menos chato que eu já vi até hoje !

3.      O Herman 98 e 99 (feitos no São Luiz e na Casa do Artista) tiveram um comportamento muito interessante nas audiências. O Hermansic também foi líder absoluto anos seguidos (até ser atropelado pelas galas BB da TVI). Pode ser que 2009 nos traga uma alegria... e mais não digo !

4.      Acho que os meus maiores críticos são aqueles que não suportam a qualidade e variedade dos meus fãs.

 

Olá bom dia,Eu como muitos jovens da minha geração, tenho 33 anos, cresci a ver os programas do Herman.Muitas vezes eram estes momentos que nos punham bem-dispostos e nos davam alguma dose de cultura, que a maioria de nós não tinha acesso.Posso dizer que este fim-de-semana, estive a ver a RTP memória e a recordar os velhos programas do Herman que ainda nos fazem rir e recordar aquilo que éramos.A pergunta que queria colocar ao Herman era para quando um espéctaculo no Norte do País, mais propriamente no Porto? Material para comédia aqui não falta. E tenho a certeza que no Norte haverá muitos fãs do Herman que o gostariam de ver.Um beijo Cristina Manaia

 

Querida Cristina, curiosamente, tenho passado muito pelo Porto mas em espectáculos privados. Não conheço publico mais generoso e efusivo. Um dia destes aventuro-me a fazer um grande show com a minha orquestra no vosso Coliseu !

 

Boa noite!Vi neste momento no youtube excertos da entrevista realizada no portugal do coração.Senti em tempos, quando surgiu a infame noticia, a necessidade de uma mensagem de apoio para alguem que me preencheu parte da infancia, toda a minha adolescencia e fase adulta com boa disposicao e entertenimento, fazendo esquecer por momentos as dificuldades e tristezas da vida. Neste momento, por intermedio do email posso dar uma pequena contribuiçao para que se sinta que tem em todo o pais tem um conjunto de portugueses de quem conquistou respeito, admiração. Nao lhe posso fornecer a justiça que merece. Acredito que a honra e verticalidade do MP, magistrados e o seguimento escrupuloso da conduta deontologica dos advogados envolvidos, lhe possam devolver a  vagarosa verdade que merece. Posso sim é oferecer a minha simpatia e solidariedade para consigo, e dizer-lhe antecipadamente, que acredito em si e na sua honradez. Nao desanime, e faça-nos o favor de nos manter bem dispostos. Carlos Basto. Farmacêutico R.T.

 

Caro Carlos, uma coisa eu constatei com muito espanto: durante essa fase, não encontrei ninguém do sistema à procura da “verdade”. Apenas fundamentalistas em “fuga para a frente” tentando impor as suas convicções a todo o custo para mostrar serviço, alimentar os “media”, e marcar pontos, como se o exercício da justiça fosse um “Benfica / Porto”. É verdadeiramente assustador, e para a maioria dos Portugueses, inacreditável !

 

Caro Herman José,Gostaria de saber se este vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=pxqX8sYnT8c#igIZoY00r08

pertence ao programa "O Tal Canal" ou ao "Hermanias". Se possível, gostaria de receber a resposta via e-mail, mesmo que a resposta seja colocada no Blog. Muito obrigado. Atentamente, Pedro Correia.

 

Caro Pedro, este caótico sketch, que envolve os “Caixões Patixo, dos que não metem bicho”, foi gravado em 1985, e é do programa Hermanias. A querida Margarida Carpinteiro acabou com um galo imenso na cabeça por no meio do calor interpretativo, ter levado com uma vela de 3 quilos !

 

Olá,obrigado por existires na vida, só mesmo o Herman para me fazer rir e sorrir.  Espero por um espetáculo Seu em breve em Braga, porque Braga Adora o Herman.  Beijinhos grandes de uma grande mas grande fã sua .Fique bem Marta

 

Marta, já me disseram que o vosso Cine Teatro está um luxo... Não perdem pela demora ! Beijos !

 

Ola Herman. Sou sua fã desde o Tal Canal. Guardo com muito carinho cenas protagonizadas pelo Herman como se fossem feitas ontem.  Orgulho-me de pertencer a uma geração que acredita e apoia o VERDADEIRO ARTISTA que o Herman é e sempre foi.  Dou por mim a cantar aquela letra que escreveu "Podia acabar o Mundo" muitas vezes. Tive a sorte de o ver um dia em Azeitão numa pastelaria mas tive receio de o abordar. Olhe queria dar-lhe um grande beijinho e dizer-lhe que o Herman é muito especial. Já ouviu concerteza milhões de elogios. Aqui vai o meu: O Herman é lindo, generoso, profissional, amigo,um artista genial, um bom filho,amigo dos animais, inteligente, superior á calúnia e á injustiça...olhe se não fossemos tão pequeninos já teria a sua estrela no " passeio" da fama. Gostava de o conhecer !Talvez um dia quem sabe.Um beijinho grande. Cristina

 

Querida Cristina, um dia destes vou gravar essa cantiga, e oferece-la ao meu director de programas para a encaixar na nova novela da SIC. Acho que merece melhor tratamento... Obrigado pelo seu carinho.

 

Olá Herman! Antes de mais devo dizer que aprendi a ver televisão contigo. O "Tal Canal" foi o primeiro programa que me lembro de seguir religiosamente, muito mais do que o D´artacão! Mas para mim o melhor dos teus programas foi o "Crime na Pensão Estrelinha". Uma obra prima do humor português. O melhor  de tudo o que já se fez!  Tinha gravado este programa numa cassete VHS que partiu a fita de tanto passar! Sabia todo o texto de cor. Literalmente!Outro momento alto foi o Boião de Cultura com momentos como  " Praça Da Ribeira".  A água era amarela e os peixes boiavam! Mestre, continuas a ser o pioneiro do humor português. E noutro país serias uma estrela internacional. Continua, por favor, a presentear-nos com a tua genialidade! Abraço, Nuno Pimenta

 

Caro Nuno, estou de acordo contigo... o “Crime” foi o segundo melhor dos meus “especiais”. O melhor ? Está para vir !

 

Boa tarde,Em primeiro lugar venho felicitá-lo pelo seu trabalho. Estou a contactá-lo apenas para apresentar o meu blog:

http://pensamentoslevamovento.blogspot.com/

Seria uma grande honra se pudesse visitá-lo. Eu estou sempre a escrever textos e música no meu tempo livre e como qualquer pessoa gostaria de ser reconhecido pelo seu trabalho. No meu caso, como não conheço ninguém no campo das artes, seria um prazer ser criticado de forma a poder melhorar os meus textos. Se quiser, pode pegar neles e transformá-los no que quiser. Para mim seria uma honra se fizesse isso. Eu estou sempre a actualizar o blog.Atentamente, Pedro Sá da Costa

 

Pedro, cuidado com esse inglês ! The sun “rises” e não “raises”... Quanto ao resto, “follow your dream” !

 

Herman , boa noite!Com a gripe que estou vim aqui te fazer uma visita e já vou sair com uma bela receita para curar minha gripe. Fricassé de frango a Moda do Herman ... hihihihihihi.Tu és um showwwwww . Baronesa de Vilalice

 

Baronesa, as melhoras... Quando te passar a gripe, não deixes de tentar os meus “rolinhos de salmão”... http://videos.sapo.pt/osincorrigiveis

 

Caro Herman, Poderia eu escrever milhões de coisas sobre si, e dizer que é um ser humano fantástico…mas assim não estaria a ser original…Seriam certamente tantos vícios e virtudes… tantos defeitos e tantas qualidades a referir… Entretanto, quero apenas dar os parabéns por todos estes anos vividos e desejar tudo de bom nos anos que se seguem. Obrigado por ser essa pessoa fantástica que é…Sinceramente. Por tudo isso resta-me desejar-lhe os Parabéns. Como se costuma dizer na terra de nuestros hermanos: Que este dia te haga reflexionar de lo mucho o poco que la vida nos oferece para valorar y saber agradecer lo precioso que es esto de estar vivos y aprender a vivir sabiamente dia a dia. FELICIDADES E FELIZ ANIVERSÁRIO!! Forte abraço.

 

Muchisimas gracias !

 

Boas Mestre do humor !Gostava de saber se o seu novo programa na SIC, vai ter obras fantásticas como o TV credo , Nelo e Idalia ou vai ser um programa mais serio com pouco humor .Um aparte , num destes dias fui a casa de um grande amigo meu e estive a ver em cassetes vhs dos seus programas como Herman enciclopédia e Herman SIC e achava maravilhoso a sua arte de fazer rir ! Gostava em especial do TV credo e do Nelo :DUm abraço e muitas felicidades para a sua grande carreira e já agora venha ao norte dar um grande espectáculo !Diogo Sampaio

 

Caro Diogo, a TV CREDO e o NELO E IDÁLIA, são dois dos objectos de que mais me orgulho por serem escrita 100% minha. Não sei se voltarei a ter balanço para tanto. A ver vamos.

 

Tio Herman obrigado por todos os bons momentos que já me deu! Sou fã desde o passeio dos alegres. Adorei o espectáculo em Castelo Branco. Estou muito contente com o regresso no Tal país. Obrigado!Luis Gonçalves

 

Luis, fiquei apaixonado pela minha plateia de Castelo Branco... É uma cidade que ficou nos nosso planos televisivos, para um regresso “live”... E mais não posso dizer, senão a concorrência adianta-se !

 

Boa tarde gostaria de a cumprimentar e dizer obrigado pela idea de podermos colocar questões ao Herman.Sou uma sua admiradora á longo tempo tendo seguido o seu percurso artistico mas de momento o que eu queria perguntar ao Herman era informações a respeito dos saldos em NOVA IORQUE  é que ele está sempre a dizer que é a unica cidade onde os saldos são a sério então ele deve saber quando começam .Por favor o Herman que  me diga quando começam os saldos de inverno em NOVA IORQUE porque eu quero la ir mas não sei quando ei-de marcar hotel. Muito Obrigado. ALDA

 

Ai Alda, do que me foi lembrar ! O principio de Janeiro e os meados de Junho são dois meses muito jeitosos para ter grandes alegrias... A minha útima foi no Sachs Fifth Avenue: 80% sobre o preço original, e sobre esse total 33% de desconto ! O que é que isto dá em termos práticos ? Um blusão do Galliano de 3000 dólares, que foi parar aos 400 !

 

Escrevo apenas para saber porque é que não há DVDs dos programas do Herman à venda nas lojas ou na Internet. Obrigada. Inês Lima

 

Cara Inês, é uma das minhas mágoas ! Estamos a trabalhar para mudar esse estado de coisas. As burocracias são mais do que muitas, nem imagina !

 

Antes de mais, gostaria de mostrar o meu fascínio por este espaço, de resposta, que cria uma enorme proximidade com a audiência...Sou um grande fã do Herman, acho que consegue consolidar a sabedoria e o prestígio de um veterano da comunicação, com uma frescura e leveza muito próprias, não só na área do humor, como na parte ideológica, parece-me pelo que li e ouvi, uma pessoa muito aberta ao mundo e principalmente, alguém que analisa, com curiosidade, o mundo onde vive, o que é na sua posição algo de muito fresco, inovador e que de certa forma, "desprovincianiza" este pais muito acolhedor mas muito pequeno e um pouco mesquinho. Apesar de ainda muito novo, tenho acompanhado os seus projectos, desde que vejo televisão e escusado será mencionar a genialidade de caricaturas como, o carismático Nelo e a Intelectual Idália, duas idiossincrasias muito divertidas, que por mais de uma vez, me levaram às lágrimas. Em suma, acho que Portugal, precisa de cada vez mais "cidadãos do mundo" e sei que com o tempo haverá mais e mais, penso que o Herman é como eu e tantos outros um cidadão do mundo e uma pessoa com uma abertura de mente e espírito de um verdadeiro ás, da comunicação, da televisão e da vida. João Pedro Castro Soares, Vila Nova de Gaia

 

João Pedro: cabe às vossas gerações o papel de “rasgar” o nosso colete de forças ! 30 anos de democracia não chegaram para nos “colorir” a alma. Será esse o vosso papel.

 

Olá Herman.Sou de Lamego.Chamo-me Cristina Maria  Costa  Monteiro, tenha 43 anos , sou muito, muito sua fã e  desde que me conheço. Mas hoje só queria dar lhe os PARABENS  e dizer-lhe que, você é o maior, é mesmo. É indiferente o que lhe façam ou queiram fazer de mal. Você é superior a tudo. É MESMO O QUE EU PENSO. Lamento tanto que vivamos nesta porra de país que dá tão pouco valor a quem o tem. Mas voce vai ser sempre o  HERMAN JOSÉ O MAIOR. Um abraço de Parabens ( sim, porque beijinho..... será só no dia em que o sonho da minha vida possa ser concretizado e é de um dia poder pessoalmente dizer-lhe que gosto muito muito de si..que o acho o máximo..) Cristina Monteiro

 

Cristina ! Inscreva-se no “Chamar a Musica”, venha divertir-se comigo e na volta ainda leva uns Euros para casa ! Juntamos o útil ao agradável !

 

Pelos seus 54 anos os meus PARABÉNS amigo. Muitos destes anos foram a dar um pouco de alegria ao povo Português, como uma boa gargalhada é preferível a um comprimido, muito se economizou ao Estado Português. Continua amigo, porque este povo bem precisa de algo que o anime, porque tudo o resto é resto e apenas uma tristeza, como já deve ter reparado. Abraço do António Zumaia

 

Obrigado António ! Fica atento, porque a festa do meu centenário vai ser valente !

 

Muitos parabéns grande Herman! Há anos que nos descontrais e que trazes um colorido especial a este nosso cantinho chamado Portugal, tantas vezes algo cinzentão... A malta dos 30, 40 e 50 anos adora-te e os putos e velhos não se ficam atrás. A nova legião de humoristas são os fieis seguidores de um grande mentor que és tu!  Abraço e força aí para a malta continuar a "partir a moca"...! :-) Luís Teixeira 

 

Obrigado Luis. Há tanta gente gira nas novas gerações... E fico tão orgulhoso quando me reconheço nela !

 

Herman, queria saber novidades do novo programa. Sabemos que só estreia em Setembro, mas que já está a pensar nele há mt tempo. O que pode dizer? Terá sketches de humor? E que tipo de convidados pensa ter? Tem algum sonho para primeiro convidado? Pensa convidar novos actores? Peço-lhe que tente ao máximo trazer o Monchique de volta. Ele tb é um verdadeiro artista, e dos melhores no campo do humor. Até porque mt sinceramente não gostei dos novos actores do Hora H. Eu sei que são grandes profissionais e se tornaram grandes amigos seus. Mas para quem se habituou a uma Maria Rueff e a um Joaquim Monchique, parece que estamos a ver cópias mas mal "fabricadas", sem querer ofender ninguém. De resto, espero que este novo desafio lhe corra da melhor maneira e que consiga reunir o melhor que temos em Portugal, a nível de actores, escrita, produção, músicos, convidados e uma enorme plateia. Boa sorte. Abraços João Cardoso

 

Caro João, disseram o mesmo do Monchique quando o chamei para trabalhar no Herman Enciclopédia ! Os cómicos são como os bons vinhos tintos, precisam de tempo para “abrir”. Quando o futuro: se considerarmos o “Herman 98” um Windows 98, o “Hermansic” o Windows XP, espero que em 2009 possa regressar com um “Windows Vista Show” ! Got the message ?

 


Este Homem não é do Norte Carago:

publicado por Joana às 13:36 | link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Jorge a 13 de Maio de 2008 às 02:42
Eu nasci, cresci e tornei-me adulto na sombra de Herman José, será esta uma hipérbole, proveniente de uma profunda admiração... Não, é a mais pura das verdades, nasci em 84, filho de ávidos consumidores da sua muito própria forma de arte, nasci com o “diga à gente como vai este país” memórias que nunca vivi, mas que me reproduziam, não que fosse desejo meu ou deles, meus pais, mas porque era uma expressão da cultura portuguesa... Herman é Camões...Amália...Eusébio...Afonso Henriques... Em suma Herman moldou, ao que geralmente costuma ser o oposto nos homens comuns, o mundo em que vive. Não é uma opinião... É um facto...
Em termos pessoais a importância do Herman resume-se da seguinte forma, nos tempos do Herman Enciclopédia eu estava a fazer o meu 6 e 7º ano de escolaridade e, havia um acordo que eu e o meu irmão fazíamos com os nossos pais, na noite em que passasse na TV nós ficávamos até ao fim do programa demorasse o tempo que fosse, era assim portanto, que os quatro passávamos “aquela noite especial” em que as regras do deitar cedo, dobravam-se. Daí ter a ideia de nunca ter perdido um programa que fosse e que teve um enorme impacto em mim, era brilhante, baseado em conceitos simples, da identidade judaico-cristã, ao censor hipócrita que representava as 100 mil assinaturas.
Tenho saudades de me rir dessa forma tão natural, os gato são muito “cerebrais” e maquinais na sua aproximação à comédia, é impossível uma criança de 13 anos rir-se com eles, no entanto ria-me consigo, a genialidade com que trabalhava os meus músculos faciais quase me davam caîmbras.
Obrigado por fazer parte do lote de mestres que me ensinou e, à minha filha, que irá nascer em Julho, vou também mostrar a sua obra, para que ela se conheça melhor, porque “o” Herman está na bandeira e é Portugal.


De hugo lopes a 5 de Março de 2009 às 14:51
Boa tarde gostaria de conversar sobre o Herman pessoalmente sobre o lançamento de uma marca de produtos alimentares de luxo. Se possivel contactem-me pelo 912701620.
Cumts. Hugo lopes


Comentar post

CONTACTOS PROFISSIONAIS
susana.silva@hermanias.pt


email do blog : joanaherman@gmail.com

Facebook


Página feita pela :
HERMAN AO VIVO


Anunciozinho Bom


Quando um gajo não pesquisa, é muita complicado
 
Livro - As Melhores Anedotas do Herman
CD - Adeus Vou Ali Já Venho
DVD - Herman Enciclopédia
DVD - O Tal Canal
DVD - Hermanias Especial Fim de Ano
Livro - As Eternas Anedotas do Herman
DVD - Crime na Pensão Estrelinha
Herman


O Verdadeiro Artista


El Grande Criador de Toda a Música Ró

Get the Flash Player to see this player.

Ó prás novidades tão jeitosas
Letse Luque Eta Treila
online
Desenvolvimento de sites
Desenvolvimento de sites
design por isa costa

Blog de fã dedicado a todo o trabalho de
Herman José